Belo “Professor polvo”

Outro dia mesmo eu estava aqui comentando sobre A odisseia de Jacques-Yves Cousteau – filme que nos chama atenção para as maravilhas do mar e da necessidade do cuidado com este ecossistema. Hoje vou trazer uma nova sugestão e alguns poucos comentários sobre o filme – Professor polvo.

Craig Foster, um cineasta que na infância teve a oportunidade de morar numa casa banhada pelo Oceano Atlântico é o protagonista deste documentário. Essa proximidade lhe rendeu estima e afinidade incríveis pelo mar e seus habitantes. Adulto e numa fase delicada da vida retorna a essas origens e vive uma beleza de história mergulhando muitos dias na região do Cabo Ocidental na África do Sul. Esse momento de grande beleza e realizações internas virou um documentário na Netflix. Uma delícia de assistir, seja pela maravilhosa fotografia, trilha sonora impecável, seja pelo roteiro sensível e elegante.

A história nos leva ao fundo do mar e suas belezas, suas cores e movimentos. Nos faz pensar na preservação ecológica, nos ensinamentos de muitas ordens. Foster, a partir de uma disciplina, conhecimento, paciência, observação minuciosa, resiliência e perseverança demonstra o quanto tudo isto foi instrumento para uma “reconfiguração”. Podemos aprender muito por meio de sua vivência e de seu olhar detalhista, o que tornou a experiência delicada e agradável.

Vale a pena!

“Quando vamos até o fundo do mar, descobrimos que ali jamais poderíamos viver sozinhos.
Então levamos mais alguém. E esta pessoa, chamada de dupla, companheiro ou simplesmente amigo, passa a ser importante para nós. Porque, além de poder salvar nossa vida, passa a compartilhar tudo que vimos e sentimos. E em duplas, passamos a ter equipes, e estas passam a ser cada vez maiores e mais unidas.

E assim entendemos que somos todos velhos amigos mesmo que não nos conheçamos. E esse elo que nos une é maior que todos os outros que já encontramos. E isso faz com que nós mais do que amigos, sejamos irmãos. Faz de nós, mergulhadores.

Jaques-Yves Cousteau

Darlene Dutra

#professorpolvo, #jacquescosteau, #mar, #ecologia, #desenvolvimentohumano, #comportamento, #cinema, #filmes, #netflix

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.