Conflitos do Professor

Resolvendo os Conflitos Diversos da Carreira do Professor

Você já deve ter aberto pelo menos 9 ou 10 páginas de artigos que começam com a frase que fala sobre o quanto a vida de professor não está ou não é fácil – mas é um fato: ser professor é uma batalha diária contra diversas crises (internas e externas).

Como se não bastasse isso há ainda competições internas, a baixa autoestima por conta da falta de reconhecimento etc.

Por isso é muito importante que o educador tenha em si a vontade de estar em constante mudança para que isso se reflita em seu trabalho – e é isso que esse artigo tem como objetivo: mostrar como resolver conflitos da carreira do professor, que, inevitavelmente ocorrem.

 

A Profissão

crianca-participando

Ser professor é uma tarefa de dedicação que não termina quando você cruza as portas do colégio e entra em sua casa – todo ano são novos desafios, novas personalidades e novas gerações para as quais você terá que se atualizar constantemente para alcança-los.

Plano de aulas, chamada, provas, ENEM – cada vida que está sentada naquelas carteiras tem um objetivo diferente e a maioria deles passa pelas suas mãos.

É uma grande responsabilidade alimentada por quantias risíveis de remuneração, mas, esta é, com certeza, uma das profissões que mais são necessárias em todo o mundo – imagine então o Brasil que ainda conta com quase 13 milhões de analfabetos?

Infelizmente os poderes públicos ainda têm muito o que aprender sobre a importância desta profissão – e talvez essa seja a razão pelas quais um professor passa por tantas crises na carreira.

Vamos mostrar algumas soluções que têm como resolver os conflitos na carreira do professor de maneira parcial ou total!

Como Resolver os Conflitos na Carreira do Professor?

11

Não existe meio termo: ou você é ou não é professor.

Muitas pessoas ingressam nos cursos de licenciatura das grandes instituições por mera “obrigação” ou por pressão dos pais para exercer alguma atividade no ensino superior.

Para o bem dos alunos, a maioria dos professores que estão presentes nas redes de ensino do país estão motivados – ou não encarariam as dificuldades do meio.

Mas, mesmo o mais otimista não deixa de sentir uma dificuldade de encontrar motivação e dentre as opções que encontramos para o educador reencontrar maneiras como resolver os conflitos na carreira do professor:

Faça uma especialização ou uma pós-graduação: é preciso estar sempre se atualizando academicamente. Encontrar projetos de pesquisa para ingressar em uma especialização em sua área ou em outras, é ainda uma das melhores maneiras de se manter motivado dando aulas.

Um mestrado pode abrir diversos caminhos para você, além de valorizar o seu currículo e garantir que você adquira cada vez mais conhecimento para passar dentro das salas de aula.

O grande problema da maioria dos professores é se distanciar demais da vida acadêmica depois que terminam suas graduações – o que é um erro.

Faça cursos: se você tem afinidade com línguas, pode começar a tentar aprender novos idiomas em seu período livre – é uma boa maneira de levar novos conhecimentos para os seus alunos, já que com o conhecimento sobre determinadas línguas você poderá se informar mais e melhor.

Você pode, por exemplo, ter acesso na íntegra sobre como outros países enxergam a cultura brasileira para assim criar um plano de aulas voltadas para este fim e assim por diante – quando se tem conhecimento as possibilidades são infinitas.

Eu ofereço um curso que ajuda as pessoas a se destravarem,  a se organizarem e acelerarem suas realizações, conquistarem seus sonhos.   Sonhos reais.  Esse treinamento é totalmente digital e isso favorece muito que você faça dentro da sua disponibilidade de agenda.  

Captura de Tela 2017-07-08 às 12.42.27

Você pode ter acesso a maiores informações no link – >  4TOUCH – a jornada da realização

Mude de Instituição: com relação à competitividade da área, é preciso estar atento aos conflitos e evitá-los.

Se por acaso existe uma maneira de resolvê-los pacificamente, resolva-os, mas se for algo mais estrutural e que a instituição alimenta (o que não é raro), pode ser que esse seja o momento de você buscar novas oportunidades.

Com isso é possível ganhar um novo ânimo, pois vai lhe dar uma sensação de reinício.

Encontre tempo livre para você: muitos professores acabam por dedicar-se tempo demais em diferentes turnos e escolas e esquecem do seu bem-estar.

É importante manter um padrão salarial para pagar suas contas e adquirir bens? Sim, mas é importante também que em alguns momentos do seu dia você pare para analisar as escolhas que o levaram a estar onde está.

Talvez você possa exercer a função de discente em outra área, por que não? Tudo é uma questão de reflexão que você terá em seu tempo livre, caso dedique-a apenas para si.

E aí, gostou deste artigo? Que tal compartilhar com seus amigos em suas redes sociais. Não esqueça também de deixar seu comentário! Até a próxima!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s